segunda-feira, 21 de novembro de 2011

ANANDA APPLE E FIONA APPLE: "MAÇÃ" SEM VULGARIDADE



Enquanto temos uma funqueira chamada Mulher-Maçã, que, nos seus ataques de pedantismo, disse que o falecido Steve Jobs era "gênio de muitas modernidades" e pretende usar o mestre Cândido Portinari para "cobrir" sua vulgaridade siliconada, outras mulheres com sobrenome de maçã passam muito longe dessa grosseria tão pretensiosa.

Vemos o caso da jornalista de TV Ananda Apple, que, curiosamente, já tem 50 anos e continua exibindo sua beleza meiga e graciosa que a faz parecer bem mais jovem do que é atualmente. Ananda, mulher de todos os sonhos, atualmente está solteiríssima, com duas filhas gêmeas, e sua personalidade admiravelmente doce se destaca pelo seu conhecimento de flores.

Outra peculiaridade de Ananda é o fato dela ser fã dos Beatles. Já dá para saber que o sobrenome artístico da bela repórter se deve ao selo fonográfico que os Beatles criaram durante sua segunda fase, a Apple Records.

E já que falamos de música, outra que se destaca por sua beleza deslumbrante e pela inteligência é a cantora Fiona Apple, de 34 anos. Nascida apenas quatro dias e uns muitos quilômetros longe de Maria Rita Mariano, Fiona deve ter um mapa astral com muito em comum. Afinal, Fiona e Maria Rita são cantoras que se sobressaem na sua geração, com ótimos referenciais culturais e notável talento.

E Fiona, então, é até mais "difícil". Mesmo seus primeiros sucessos de 1996 do álbum de estreia Tidal passam longe do comercialismo e a cantora e pianista assimila influências de folk, jazz, soul e até rock clássico. Com intervalos relativamente longos entre um álbum e outro, seu quarto álbum está para sair este mês.

Fiona foi estuprada na infância, chegou a sofrer de anorexia e teve problemas com a Sony Music por conta de sua música pouco convencional, o que fez com que o álbum Extraordinary Machine fosse regravado com outro produtor.

A versão original desse disco de 2005 foi rejeitada pelos executivos da Sony por ser musicalmente "difícil". Jon Brion foi o produtor original e o disco estava ameaçado de nunca ser lançado, até que os fãs da cantora lançaram a campanha Free Fiona para garantir o lançamento do mesmo. Mas os executivos exigiram como condição sua regravação com outro produtor, e o disco foi lançado nesta forma.

Já o álbum original permanece inédito, e a princípio Fiona expressou interesse em finalizá-lo com Brion, mas nenhuma notícia a mais foi dada a respeito.

Estas duas mulheres, sim, que usam o 'sobrenome Maçã' para mostrar inteligência e cultura para o público.

Nenhum comentário: