quinta-feira, 28 de julho de 2011

JARED LETO CRITICA EXPLORAÇÃO SENSACIONALISTA DA MORTE DE AMY WINEHOUSE



Segundo o sítio Gig Wise, o apresentador de TV e vocalista do grupo 30 Seconds To Mars, Jared Leto, reprovou a exploração sensacionalista feita pela mídia em torno da morte da cantora inglesa Amy Winehouse.

Leto, que também foi viciado em drogas mas se recuperou, comparou a exploração da morte de Amy pela mídia como algo tão banal quanto mostrar a "gata da praia". E acrescentou: "Rir do comportamento de de uma pessoa que sofre com o vício, ou tratá-la como entretenimento, não é menos perdoável do que fazer piada de alguém que começa a se deteriorar por qualquer outra doença crônica".

O músico também sugeriu que, em vez da imprensa se alimentar da exploração noticiosa de viciados em drogas, deveria usar sua energia para ajudar na recuperação de viciados.

Jared Leto manifestou seu pesar pelo falecimento de Amy Winehouse, expressando solidariedade à família dela. A banda 30 Seconds To Mars substituiu a cantora inglesa na escalação para o Sziget Festival, em Budapeste, na Hungria.

Um comentário:

M.V "Shogum" disse...

Não conheço o cara, mas concordo com tudo.