sábado, 10 de julho de 2010

PiG RECEBE TECNOBREGA COM TAPETE VERMELHO



Engole essa, revista Fórum. Adiantou gastar páginas e arquivo HTM para falar de tecnobrega? Pois agora a mídia golpista, apátrida, reacionária das Organizações Globo, a corporação das corporações, sócia-maior do Instituto Millenium e histórica representante da mídia mais tendenciosa, recebe de braços bem abertos o ritmo tecnobrega.

Depois do Domingão do Faustão, do Jornal da Globo - através do colunista Nelson Motta, sócio do Instituto Millenium - e do Mais Você, e também do Globo Vídeos e do jornal O Globo, agora é a revista Época o mais novo veículo dos irmãos Marinho a abraçar o tecnobrega, conforme reportagem publicada na edição de hoje.

O tratamento diferenciado ao tecnobrega é tal que a reportagem agora credita o estilo como "tecnomelody", tentando associá-lo à música eletrônica. O destaque é o mesmo da revista Fórum, a cantora Gabi Amarantos, que brinca de ser Beyoncé Knowles em ritmo de forró-brega (que não passa de um engodo que mistura disco music, country e sanfona de...música gaúcha - ?!), para dar a noção de como está a "identidade regional" de certas áreas controladas pelo latifúndio e seus braços urbanos no Pará.

E agora? Quem é que vai dizer agora que o tecnobrega não tem espaço na grande mídia? Será que vão cometer a mesma tolice que Caros Amigos fez com Mr. Catra, que tentou creditá-lo como "discriminado pela grande mídia" com todo o espaço que ele recebeu nos veículos da Rede Globo e Globosat?

2 comentários:

Lucas Rocha disse...

Será que o tecnobrega paraense (que, no Recife, transformou o RecBeat em EJECT BEAT) vai chegar até o Canal Futura, ou pior, superar o "funk carioca" como a pior armação das Organizações Globo depois da eleição do marajá Fernando Collor para Presidente da República em 1989?

Edilson Trekking disse...

Até tu Nelsinho Motta?!