quarta-feira, 7 de julho de 2010

HIPÓLITO DA COSTA É CONSIDERADO HERÓI NACIONAL



Uma lei sancionada pelo presidente em exercício da República, José Alencar, considerada como um dos heróis da nossa história o jornalista Hipólito da Costa.

É verdade que consderar pessoas históricas como heróis ou santos nem sempre é uma atitude confiável, mas Hipólito da Costa teve seus méritos como uma personalidade a serviço do Brasil.

Foi o primeiro jornalista de consciência crítica do Brasil - função que hoje Luís Nassif, Paulo Henrique Amorim, Rodrigo Vianna e Luís Carlos Azenha desempenham brilhantemente - , tanto que o jornal que fundou, o Correio Braziliense (que, depois, tornou-se uma marca comprada por Assis Chateaubriand e hoje é um jornal editado em Brasília), foi originalmente feito em Londres, para evitar qualquer represália contra os textos críticos que fazia ao Império e à coroa portuguesa.

Era uma imprensa rudimentar, mas Hipólito da Costa pode ter sido um ancestral dos blogueiros brasileiros, já que o que ele fazia no Correio Braziliense não era muito diferente, guardados os contextos da época, com o que os atuais blogueiros fazem hoje.

Hipólito não foi esquerdista e, com o tempo, passou a fazer críticas mais amenas ao Império. Mas de certa forma contribuiu para a luta de um jornalismo digno no Brasil e é um personagem que deve ser estudado por nossos alunos, sobretudo os universitários de Jornalismo. Independente de ser considerado ou não um herói nacional.

Nenhum comentário: