domingo, 18 de abril de 2010

JOSÉ SERRA "PAZ E AMOR" NA REVISTA VEJA


Atendendo a pedidos, revista Veja finalmente vestiu a camisa serrista. E agora mostrando o "Serrinha Ternura", com sorriso simpático para agradar sobretudo o eleitorado feminino.

As tempestades adiaram a reportagem de capa, e até muita gente estranhou, mas Veja não iria mesmo sobrecarregar com capas de José Serra toda hora, até porque isso geraria um efeito contrário.

Até que Veja se antecipou à campanha eleitoral, com a edição desta semana. Afinal, ela terá que alternar capas serristas com outros destaques, afinal Veja tem que parecer profissional. Terá que alternar capas com José Serra, FHC e o escambau com capas sobre reportagens de saúde, fenômenos da mídia, possíveis personagens policiais - tipo os casais Nardoni da vida, o psicopata goiano ou o assassino do cartunista Glauco e do filho deste - , ou futuras catástrofes a atingir o Brasil ou o mundo (tipo a do terremoto no Haiti).

3 comentários:

Marcelo Pereira disse...

Vai ver que o Serra quer competir com o Fiuk. Argh!

Leonardo Ivo disse...

Alexandre,
E muito facil você ficar somente no ambiente da internet pregando estas ideologias. Voce tem de pregar isto nas ruas e ir de encontro com as massas se o seu objetivo é mesmo mudar a cabeça da população. Estou insistindo contigo sobre isso, pois considero suas ideias coerentes e que se forem disseminadas corretamente e de forma estratégica, ja que se requer um certo cuidado com a populaçao, pode se conseguir excelentes resultados. Se seu objetivo é mudar a cebeça do povo tem que ir a rua fazer como os evangélicos fazem indo nas favelas, fazendo ações sociais e no meio disso pregando sua ideologia. Ficar só na internet de nada adianta. Só uma parcela minuscula e mesmo assim esclarecida terá acesso a sua ideologia. Voce deve levar em consideração de que a maioria do povo ainda não tem acesso a internet ou se tem ainda não sabe usar. Se seu objetivo é mudar a cabeça do povo faça isso quer estou lhe falando. Estou a sua disposição. ABS!

Lucas Rocha disse...

Porque a "Veja" quase nunca falou na Priscila Pires, que participou do nono "Big Brother Brasil"? É porque ela era considerada muito vulgar para a VEJONA?