quarta-feira, 17 de março de 2010

O REACIONARISMO DO PIG CULTURAL FAZ BARULHO



Tudo para manter o modelo de sociedade e de cultura brasileiras que as elites desejavam desde o Golpe de 1964. Pelo menos para manter a "cultura popular" dentro dos parâmetros da mídia dominante durante a Era FHC.

Um comentário:

Marcelo Delfino disse...

Alguém sabe qual é a ironia dessa história toda? É que tanto FHC como José Serra foram, bem ou mal, opositores do regime de 1964. O próprio Serra se exilou no Chile, e teve que fugir correndo de lá quando começou a Era Pinochet. Hoje, os dois se dão muito bem com os saudosos de 1964 abrigados no DEM, no empresariado, na intelectualidade e na classe artística.

Se bem que Lula e o PT também convivem com um monte de saudosos de 1964, nodatamente os do PMDB (Sarney à frente) e do PP (Maluf à frente).