quarta-feira, 17 de março de 2010

JOSÉ ROBERTO ARRUDA FOI CASSADO POR INFIDELIDADE PARTIDÁRIA



O TRE do Distrito Federal, por quatro votos a três, decidiu cassar o mandato do ex-governador do DF, José Roberto Arruda, preso há pouco mais de um mês por envolvimento no "mensalão do DEM".

O motivo da cassação foi infidelidade partidária. Arruda teria saído do DEM antes de ser expulso, na tentativa de salvar sua vida política. Não salvou e se deu mal. E o DEM mais uma vez perdeu um anel podre para poder salvar seus dedos.

Nenhum comentário: