sexta-feira, 19 de fevereiro de 2010

AMOSTRA DA DECADÊNCIA DO SISTEMA DE ÔNIBUS DE CURITIBA


SISTEMA DE ÔNIBUS DE CURITIBA: SÍMBOLO DA IDEOLOGIA TECNOCRÁTICA APLICADA AO TRANSPORTE COLETIVO

COMENTÁRIO DESTE BLOG: A reportagem é de 13 de maio passado, mas dá uma boa amostra da decadência do sistema de ônibus de Curitiba, que parte da mídia, das autoridades, empresários e até de busólogos tentam esconder. Em tempo: A demora de espera dos ônibus é consequência de uma das "virtudes" (pasmem!) do sistema tecnocrático de transporte coletivo: a escassez de ônibus nas frotas das linhas.

CURITIBA: DEMORA DE ÔNIBUS TIRAM USUÁRIOS DO SÉRIO

Demora dos ônibus que fazem o trajeto nos bairros

No segundo dia útil de funcionamento da nova linha expressa Pinheirinho-Carlos Gomes, as atenções se voltaram para os responsáveis pelo papel de "ator coadjuvante" no sistema: os ônibus alimentadores. Para a população, os alimentadores - que têm a função de levar os usuários dos bairros até as estações da Linha Verde para que então tomem o expresso - estão deixando a desejar. Segundo os passageiros, o tempo que se ganha com as viagens rápidas do Pinheirinho-Carlos Gomes é perdido em dobro na espera de um ônibus que leve a uma estação do novo expresso.

Os problemas com os alimentadores já tinham sido observados no primeiro dia útil de funcionamento do sistema. Na segunda-feira, uma das viagens da linha Xaxim-Linha Verde, por exemplo, teve de ser "enforcada".


Fonte: BOBNEWS PARANÁ, RPC

Nenhum comentário: