domingo, 3 de janeiro de 2010

Mortos em Angra dos Reis são mais de 40


POUSADA SANKAY, EM ANGRA DOS REIS, ATINGIDA POR DESLIZAMENTO NO ÚLTIMO REVEILLON. FOTO DE NICHOLAS SERRANO, DA AGÊNCIA ESTADO.

Essa é uma triste lição para aqueles que desprezam a questão da Ecologia no mundo. Até pouco tempo atrás, havia gente que se julgava "inteligente convicta", "conscientizada", "defensora da cidadania" e "ciente de sua responsabilidade social" que chamava de "chatos" quem se preocupasse com os problemas ecológicos, seja a poluição, o desmatamento, as construções irregulares etc. Surgiu até um termo, "ecochatos" e até os programas realmente chatos da TV aberta associavam a mobilização ecológica ao "politicamente correto".

Pois se um Bóris Casoy "comprometido com a responsabilidade social" e com a "missão de passar o Brasil a limpo" foi derrubado por um comentário sobre os lixeiros, imagine essa patota juvenil "anônima" que infesta comunidades virtuais e fóruns na Internet?

Pois a tragédia recente na pousada Sankay, em Angra dos Reis (sul do Estado do RJ) é uma lição dolorosa para esse pessoal que espera a sabedoria surgir de um passeio de mountain bike. Esse pessoal não tem a ideia de quantos semelhantes seus, mais inocentes talvez e querendo saudar um feliz 2010, tiveram o reveillon tragicamente interrompido pelo deslizamento de terra que atingiu a pousada, provavelmente uma construção irregular, ao que se pode indicar.

Esta tragédia é um recado para quem despreza a Ecologia e acha que qualquer coisa na vida vale, sem cautelas, sem planejamento. Para quem gosta de viver em risco e acha até beber embriagado sinônimo de cidadania, essa tragédia com outras pessoas é sinônimo de nada. Até essa "galera irada" vir a enfrentar sua própria tragédia.

Nenhum comentário: