segunda-feira, 7 de dezembro de 2009

Sistema de ônibus de Curitiba é desvalorizado até na busca pela Internet


Não é só no futebol que Curitiba, a famosa capital paranaense, viu seu time cair para a segunda divisão. O transporte coletivo já naufragou antes do Coritiba Futebol Clube, com sua padronização visual (que não diferencia sequer linhas intermunicipais e municipais) e tudo.

Definitivamente, Curitiba perdeu o título de "melhor transporte coletivo do Brasil". Muitos passageiros, raivosos, já dizem até que o sistema de lá está um horror, está decadente, e isso pode ser até pior, porque a imprensa não publica todas as queixas nem todos os problemas do transporte coletivo no país. Há quem aposte em equiparar o sistema de Curitiba com o desastroso transporte de Salvador. Bem, não chega a tanto, assim, é verdade, mas tanto Curitiba e Salvador apostam no desconforto dos bancos de plástico, que causam até problemas de coluna.

A decadência do transporte de Curitiba e seu insosso padrão visual é tanta que na primeira página da busca do Google, que reproduzimos nesta figura, ao citar as palavras-chave Curitiba e ônibus não se vê ônibus novos, e o que se vê são somente ônibus antigos - até os articulados já são velhos - , um corredor com bancos de plástico e várias fotos apenas com abrigos "futuristas" de ônibus. Muito humilhante para um transporte que os tecnocratas ainda julgam como "ideal" e "moderno".

A primeira página de uma busca por palavra-chave é meio que um cartão de visitas dos seus resultados. Se nada importante aparece sobre ônibus de Curitiba, é sinal que algo está errado, muito errado.

Nenhum comentário: