sábado, 12 de dezembro de 2009

O que os universitários curtiam há 50 anos


Em outros tempos, quando se respirava inteligência e senso crítico e autocrítico nas universidades brasileiras - também não havia a onda de universidades particulares que botaram o ensino superior na privada - , esse era um dos nomes curtidos pelo público universitário.

Com vocês, Carlinhos Lyra, ícone da Bossa Nova, hoje um senhor de idade pouco valorizado, mas antes era um estudante como tantos outros. E professor também, porque tinha uma baita escola de violão com Roberto Menescal, outro ídolo dos antigos universitários.

Um comentário:

Lucas Rocha disse...

Alexandre,
Já entendi seu texto. Mas eu queria saber de uma coisa: se o revival dos anos 90 atingir os universitários dos anos 2010, será que eles vão fazer "mamonices universotárias" (inspiradas nos falecidos Mamonas Assassinas)?