sábado, 7 de novembro de 2009

Minha solidariedade ao Bruno Melo e ao Led Zeppelin


Talvez por Bruno Melo, o amigo blogueiro de Cultura Alternativa, ser muito jovem, ele é espinafrado por marmanjões invejosos da dedicação e inteligência do rapaz. Rapagões de vinte e tantos anos, incapazes de ter o senso crítico de Bruno Melo, chamam ele de "poser", "alienado", "desinformado" e coisas parecidas.

Mas vê-se que Bruno se esforça com seu blog, e a coerência de seus textos surpreende. Do contrário que se vê no Orkut, com tanto carinha de vinte e tantos anos escrevendo mal, rasgando seus próprios diplomas universitários com a estupidez acumulada por rodadas de muita birita e "baseado", falando que nem um débil-mental mas, mesmo com tudo isso, se achando "super inteligente" a ponto de presentear os discordantes com mensagens "amistosas" infectadas pelo vírus da moda.

Que eu já sabia que esses caras cometiam o asneirol de achar que a ridícula banda poser Guns N'Roses é "classic rock", isso era evidente. Gente que nasceu ontem e não viu metade do trem da História fica tratando suas mediocridades como preciosidades.

Mas o que não sabia é que tinha gente espinafrando o Led Zeppelin, que na verdade é a maior fonte de plágio da banda de Axl Rose. Até sabia que um produtorzinho esquentadinho da antiga "rádio roque" carioca, a Rádio Cidade FM, meteu o cacete em The Who e Led Zeppelin, enquanto defendia as porcarias dos anos 90, como Guns N'Roses e Limp Biskit.

Pois apareceu, numa comunidade do Orkut, um cara conhecido apenas como Pedro, um lunático reacionário que tratou o Led Zeppelin como uma banda fraudulenta, e disparou baixarias contra Bruno Melo. Vejam as "pérolas" do tal "Pedro", talvez uma "viuvinha" da dupla emoneja 89 FM A Rádio Rock (SP) / Rádio Cidade (RJ):

Sem querer defender alguma banda, caro amigo pseudo-cult, pesquise no google 'plágios Led Zeppelin'. Acho que tu devia dar uma olhada, rapaz. Mas olhe mesmo, não seja que nem os emos de hoje em dia, que não aceitam que todos os sucessos do Nx Zero são plágios. Eu gostava de Led, até descobrir os seus 'retrabalhos'. Mas, se tu quiser continuar a ser mais um alienado poser fodão que se acha pra caralho paga pau pro Led, continue.Ah, li suas postagens e tenho uma crítica construtiva... não é só porque você conhece coisas que os outros não conheçam (alternativo, duh), você é melhor do que os outros, ok? Teu ego está muito elevado. Se tu continuar assim, meu caro amigo, vai ficar frustrado, gay e morando com a mamãe até os 50. Seja humilde, por favor, é uma dica. Seique o espaço é seu, que você faz o que quiser, posta o que quiser... Só tente maneirar, mulecote.

Led Zeppelin, plagiador? Em que planeta esse tal de Pedro vive? O Planeta Mico?

Também é muito ridículo o "Pedro" atacar o Bruno com tais baixarias. Ele gasta suas palavras fazendo ataques morais, com texto muito mal escrito embora fugindo um pouco do internetês, até porque ficou muito visado. Pelo texto, dá para perceber que quem tem o ego muito elevado é esse Pedro, que demonstrou sua falta de humildade, a ponto de dizer que sua crítica é "construtiva" (há, há, há!! fala sério...).

Quanto ao Led Zeppelin, trata-se de uma das maiores bandas de rock de todos os tempos. E o grupo nem é tão associado meramente ao rock pesado, mas ao rock em geral. Jimmy Page é do mesmo círculo social dos Beatles e Rolling Stones. Veja o CD Their Satanic Majesties Request, dos Rolling Stones. Lá participou John Paul Jones, que fez os arranjos orquestrais para "She's a Rainbow". Jimmy Page também é amigo dos integrantes dos Stones e formou o Willie & The Poor Boys com Bill Wyman e Charlie Watts, mais Paul Rodgers nos vocais.

O Led Zeppelin é, em si, um supergrupo. Um super cantor, Robert Plant, que não se intimidou quando perdeu a capacidade de fazer agudos devido a ferimentos de um acidente de moto, adaptando o seu talento e mantendo a rouquidão que cai bem na música rock. Um super guitarrista, Jimmy Page, de formação clássica, conhecedor de blues e skiffle, ritmo irlandês, além do próprio rock'n'roll dos anos 50 e 60. Um super baixista, John Paul Jones, também maestro e arranjador. E um super baterista, John Bonham, com sua agilidade e ritmo incomparáveis.

Como é que o Led vai plagiar alguma coisa? Será que o pastiche é mais original que o original, e que o original é mais pastiche que o pastiche? Isto é um GRANDE ABSURDO!! Guns N'Roses, não bastasse ser vendido como "coisa autêntica", agora pode também ser "mais autêntico" que o Led Zeppelin? Isto é MAIS ABSURDO ainda!!

Fica aqui minha solidariedade ao Bruno Melo e ao Led Zeppelin que ele humildemente defendeu na comunidade roqueira do Orkut.

Um comentário:

O Kylocyclo disse...

Bruno, hoje parte desses caras já passa a elogiar pagodeiros, axezeiros, funqueiros e breganejos. Esse pessoal não é de confiança, não.