sábado, 21 de novembro de 2009

E se a padronização de Dudu Paes invadisse as artes plásticas do mundo?


Vamos imaginar que a intenção do prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, de padronizar visualmente o serviço de ônibus da cidade se estendesse para as artes pláticas do mundo inteiro. Sim, do mundo inteiro, já que a "curitibanização" dos ônibus é uma religião que congrega alguns busólogos, onde os tecnocratas do transporte coletivo são divindades, mas até os secretários de transportes são dotados de super-poderes para tornar o complicado mais "simples". Por isso imaginemos a megalomania dessa "doutrina" invadindo o campo das artes do mundo inteiro.

Certamente os museus seriam todos demolidos, optando-se pela construção de novos museus, conforme duas tendências: o neo-colonial, à moda das antigas chácaras do século XVI, ou o futurista, à maneira do EPCOT Center, nos EUA.

As obras de arte, como conhecemos, seriam todas substituídas por um padrão visual organizado, conforme a tendência da arte. As pinturas seriam substituídas por quadros padronizados, onde está apenas o título da obra e o respectivo autor. Já as esculturas seriam substituídas por plaquetas tipo pirulito, com o mesmo padrão de cor adotado para cada tendência.

Entusiasmado, Eduardo Paes fala dessa nova idéia, defendida pelos mais experientes técnicos e engenheiros, que vêm na padronização visual das obras artísticas uma forma de estimular a interatividade do cidadão e de tornar a arte mais prática. Uma entrevista com Paes esclarece todos os pontos. A padronização visa disciplinar e tornar mais didática a arte mundial.

A padronização é definida com as seguintes tendências:

ARTE RUPESTRE



ARTE ANTIGA (EGÍPCIOS, FENÍCIOS ETC)



ARTE ANTIGA GREGA



ARTE ANTIGA ROMANA



ARTE CRISTÃ



ARTE MEDIEVAL



ARTE NEOCLÁSSICA / RENASCIMENTO



ARTE BARROCA / ARCADISMO (INCLUI ACADEMICISMO)



ARTE ROMÂNTICA / IMPRESSIONISMO




ARTE MODERNA (INCLUI FUTURISMO E CUBISMO)



ARTE CONCRETA / DADAÍSMO / BAUHAUS



ARTE CONTEMPORÂNEA



As obras de arte brasileiras seriam identificadas por duas pequenas faixas, verde e amarela, junto ao nome da obra e seu autor, conforme as duas figuras abaixo:

ARTE BARROCA / ARCADISMO / ACADEMICISMO - BRASIL



ARTE CONTEMPORÂNEA - BRASIL

Nenhum comentário: