terça-feira, 20 de outubro de 2009

LEANDRO N' LEONARDO


Será que ninguém percebeu que o nome Guns N'Roses se refere a uma gíria ianque que, adaptando para o colóquio brasileiro, dá justamente no título de um dos maiores sucessos da dupla neo-brega Leandro & Leonardo, "Entre Tapas e Beijos"?

2 comentários:

Marcelo Pereira disse...

Trocando um pelo outro é a mesma merda.

O Kylocyclo disse...

Aliás, ambos reafirmaram seu sucesso mesmo nos anos 90. Era Collor, o presidente mauricinho enganando os eleitores e depois confiscando suas poupanças, quinze anos antes de ser queridinho da revista Isto É.

A trilha sonora? "Sertanejos" como Leandro & Leonardo, Zezé Di Camargo & Luciano (não espalha, não, porque senão o reaça Olavo Bruno pode rodar a goiana) e Chitãozinho & Xororó. Também havia pagodeiros bregas tipo Raça Negra e Só Pra Contrariar. E, no "roquenrol", tínhamos Guns N'Roses pedindo paciência para nossos ouvidos.

Quanto ao saudosismo "revisionista", temos que tomar cuidado. Já rola Sullivan & Massadas, Odair José e Benito di Paula na MPB FM e é bom reagir contra isso, senão até Companhia do Pagode vai aparecer no programa "Clássicos MPB".