segunda-feira, 14 de setembro de 2009

TSE TESTARÁ AÇÕES CONTRA HACKERS


O Tribunal Superior Eleitoral mantém abertas inscrições para quem quiser participar dos testes das urnas eletrônicas para prevenção de ataques de hackers.

As inscrições, iniciadas no último dia 11, se encerram no dia 13 de outubro. O interessado, que o TSE denomina de "investigador", deve apresentar um plano de ação hacker, num formulário específico do tribunal, descrevendo os procedimentos que pretende tomar e os equipamentos a serem utilizados para tentar quebrar a segurança das urnas. O plano de ação será avaliado e, se aprovado pelo TSE, poderá ser posto em prática. O resultado dos planos aprovados pelo órgão sai em 26 de outubro, no Diário Oficial.

Os testes terão como objetivo preparar as urnas eletrônicas desses ataques, fortalecendo o sistema de segurança eletrônica para as próximas eleições.

2 comentários:

Marcelo Delfino disse...

Esse teste do TSE contra hackers já é uma piada desde a sua formulação. Hacker de verdade não se identifica nem se inscreve junto ao hackeado, não descreve seus procedimentos e nem revela a configuração de seus equipamentos.

Isso tudo é apenas uma forma de calar a boca dos que querem que as urnas eletrônicas imprimam os votos para uma hipotética recontagem.

O Kylocyclo disse...

Eu também não acredito muito nessa eficácia, mas preferi apenas informar o que eu li na imprensa, por não estar muito por dentro do assunto.