terça-feira, 22 de setembro de 2009

Tati Quebra-Barraco virou evangélica


É esse o destino de nomes popularescos quando estão em baixa irremediável: virar crente. Entrar numa seita evangélica, porque a carreira não consegue mais ter o mesmo êxito, isso apesar do apoio da mídia gorda mais populista.

Pois agora Tati Quebra-Barraco virou a nova a virar crente. É o segundo nome do "funk", em duas semanas, a anunciar tal conversão. O primeiro nome foi MC Marcinho, do sucesso "Poderosa", intérprete de "funk melody" que havia sobrevivido a um acidente de carro, mas ficou paralítico.

Tati Quebra-Barraco, no entanto, causou surpresa no meio funqueiro. Ela foi o primeiro hype promovido pelo "funk" quando o ritmo popularesco carioca investiu numa retórica "socializante", no seu mais recente modismo, a partir de 2003.

Apesar de todo o oba-oba da mídia em relação à Tati Quebra-Barraco e mesmo com a estratégia marqueteira às avessas de não colocá-la para aparecer no Domingão do Faustão, a funqueira não lançava material novo há muito tempo. Ela havia gasto todo o lucro do seu sucesso comercial com lipoaspirações e plástica.

Aparentemente, Tati não deixará de apresentar seus sucessos de letras grotescas e do mais baixo calão.

Se Tati Quebra-Barraco encerrar sua carreira musical - infelizmente, isso não está em cogitação - , ela não fará a menor falta. Sua música (?) é muito ruim de fazer os tímpanos sangrarem de tanta dor.

2 comentários:

Lucas Rocha disse...

É por isso que a Tati Quebra-Barraco virou uma feia fora de moda!

Jenný disse...

Não Agora Ela Virou Benção , e Não Ficou Fora Da Moda So Porque Não Faz Mais Coisas que Desagradam A Deus !