sábado, 26 de setembro de 2009

397 TEM POOL PROVISÓRIO



A Viação Oeste Ocidental, pelo jeito, irá falir. Juntando a multa de R$ 1 milhão, as dívidas trabalhistas e a grana que seria necessária para renovar toda a frota, todo esse montante financeiro da empresa do Rio de Janeiro será impossível de ser aplicado.

Tudo indica, portanto, que a Ocidental será extinta, apesar de ter aparecido, no mês passado, uma esperança de recuperação através de micro-ônibus e ônibus com ar semi-novos mas parecendo em estado razoável.

Provisoriamente, um esquema de pool foi organizado para operar a linha 397. Quatro empresas - Amigos Unidos, Andorinha, Bangu e Campo Grande - colaboram com seus carros enquanto não se decide qual a empresa que servirá a linha. Eu, pessoalmente, desejo que a Jabour (que, da Ocidental, pegou algumas linhas de Marechal Hermes) pegue a linha 397.

Quanto à Ocidental, a empresa agora fará sua carreira nos tribunais, resolvendo suas pendências financeiras gravíssimas.

2 comentários:

Marcelo Delfino disse...

Qualquer uma dessas empresas será melhor do que a Amigos Unidos, que pertence aos mesmos donos da Ocidental, segundo Marcelo Pereira.

Leonardo Ivo disse...

E a Ocidental esta seguindo o Mesmo caminho se sua irmã finada Mosa: a falência. Com a Mosa foi o mesmo filme da Ocidental até fechar em 2002. Enquanto isso a Oriental, que parecia que ia fechar, segue bravamente, tendo trocado de dono recentemente. Fico é triste e com a situação dos funcionarios.