quinta-feira, 2 de julho de 2009

OS SAPATOS SISUDOS DE EDUARDO MENGA



Escrevemos um texto sobre os cinquentões empresários e profissionais liberais que são casados com mulheres bem mais jovens. Citamos o pai da tenista Vanessa Menga, Eduardo Menga, empresário, diretor de elenco da Rede Record e produtor cultural, que hoje é casado com a atriz Bianca Rinaldi e já tem filhas com ela.

Citamos que o mal desses cinquentões é o comportamento sisudo, como se estivessem com muita má vontade em se adaptarem ao estilo de vida de suas esposas. Aproveitando que a mídia fala da morte de Michael Jackson, que simbolizou a obsessão pela "juventude eterna", nosso texto falou da obsessão da geração de Almir Ghiaroni e Roberto Justus pela "maturidade antecipada", um drama tão grave quanto o do "rei do pop". Apesar de casados com mulheres mais jovens, esses homens insistem no grave defeito de serem prisioneiros de referenciais antigos, do vestuário ao gosto musical. Veja o texto "ELES NÃO QUISERAM SABER DE FERRIS BUELLER" para saber mais detalhes.

Pois uma foto da revista Caras mostra Eduardo Menga e Bianca Rinaldi passeando no shopping center, um evento informal, leve, ainda que o casal tivesse como objetivo comprar o enxoval para os novos bebês. Mas Menga cometeu o ERRO de usar sapatos de couro, quando num momento como esse poderia estar calçando tênis (olha o trocadilho com o esporte da filha Vanessa, aliás também esporte da juventude de Eduardo), bem mais confortáveis para momentos de lazer.

Mas como O Kylocyclo zela pela utilidade pública, damos uma pequena ajuda ao marido de Bianca Rinaldi para usar os calçados certos para situações certas. O grande mal para ele e seus contemporâneos Ghiaroni e Justus é que eles pensam a vida como se ela fosse, por si só, um grande seminário empresarial, onde o uso de sapatos de couro e sapatos de verniz, de preferência bem engraxados, se torna uma obrigação forçosa. Sabemos que esses tipos de calçados são muito mais apropriados para eventos rigorosamente formais, como seminários para empresários ou profissionais liberais, ou para eventos de gala. Mas só falta eles caminharem no calçadão do Leblon usando sapatos de vernis, aí seria o cúmulo da sisudez.

Bem, como dissemos, vamos dar uma ajudinha digital, sempre em consonância com as evoluções do mundo técnico-tecnológico, bem no agrado desses homens, antiquados na hora do lazer, mas profissionais muito bem atualizados. Adaptamos a foto em questão para trocamos o sisudíssimo sapato de Eduardo Menga por um tênis Nike, através da montagem digital.

Se caso Eduardo Menga soubesse da montagem digital e não gostasse, alegando que isso "vai contra os princípios do bem vestir" e que "é vergonhoso um homem de 56 anos passear pelo shopping usando tênis", soltamos imediatamente a réplica de que um homem de 56 anos ou mais usando tênis não é de forma alguma vergonhoso, até porque existem homens com mais de 70 anos que usam tênis para ir a qualquer lugar, reservando os sapatos de verniz e couro para situações extremamente formais.

Querem uma prova? Vejamos então o nosso célebre ex-beatle, Paul McCartney, que tem 67 anos de idade, passeando com sua nova namorada. McCartney, cujas composições como "The long and winding road", "Yesterday" e "My love" são aceitas pelos cinquentões sisudos, aparece com traje de terno (ele tirou o paletó), mas calçando um par de tênis. Uma coisa que Roberto Justus e companhia ainda têm muito, muito medo de fazer, combinar ternos com tênis, porque é "adolescente demais".

Pois vejam a foto abaixo. E, caro DJ, toque uns rockões na voz de Paul, como "She's a Woman", "Can't buy me Love", "Helker Skelter" e até "Lovely Rita", para quebrar o astral black tie da rapaziada cinquentona de esposas trintonas (mas bem mais próximas das "Garôtas" de Alceu Penna, adaptadas para nossos dias, do que da "Mulher de 30" cantada por Miltinho).

Nenhum comentário: