segunda-feira, 6 de julho de 2009

DESCASO DAS AUTORIDADES À SAÚDE PÚBLICA


Enquanto na saúde privada vemos médicos de nome indo a festas de gala com seus smokings e aparecendo em programas de TV com terno preto da marca Hugo Boss só para lançar livrinhos de romance, na saúde pública há situações terríveis, como a de um médico do setor de emergência do Hospital Miguel Couto, que encaminhou uma paciente a ir a outro hospital, escrevendo até mesmo as linhas de ônibus que ela deve pegar (460 São Cristóvão / Leblon, da Real Auto Ônibus, e 476 Méier / Leblon, da Braso Lisboa).

Essa paciente, que estava grávida e prestes a dar à luz, acabou perdendo o bebê.

Enquanto isso, na próxima coluna social, o médico tal aparecerá num evento informal do Iate Clube ou similares, com seu terno preto Hugo Boss (traje formal) e sua esposa lindíssima.

E as autoridades pouco investindo na melhoria da saúde.

Nenhum comentário: