domingo, 22 de março de 2009

"ROQUEIROS" DE BUTIQUE MUDAM DE PRAIA



Pois é, lembram-se daqueles jovens esquentadinhos que queriam que a Rádio Cidade carioca fosse "roqueira" e o resto é que se danasse? Era uma tribo autoritária, temperamental, ao extremo, cuja personalidade era algo como a versão grunge / poser / emo dos estudantes da Mackenzie que se envolviam com o Comando de Caça aos Comunistas.

Como se vê, eram jovens de extrema-direita, embora mentirosamente eles se auto-proclamem esquerdistas (taí os típicos pseudo-esquerdistas). Mas também essa juventude mora nos condomínios ricos da Barra da Tijuca e Recreio dos Bandeirantes, embora jurem na Internet que moram na Pavuna ou na Baixada Fluminense.

Mas o tempo mudou e a patota que dizia "morte aos funkeiros" mudou radicalmente de postura. Seu locutor favorito, o Rhoodes (ver foto acima), agora está na rádio popularesca Beat 98 (antiga 98 FM) se envolvendo com "funk carioca", sambrega e o escambau, numa área que é mais sua praia (Rhoodes ficou conhecido como o locutor que odiava rock mas investia no segmento).

Com isso, os "roqueiros" de butique, aparentemente fanáticos e intransigentes, mudaram completamente o discurso. Principalmente porque hoje em dia são os funkeiros que oferecem a "merenda" para a rapaziada...

Nenhum comentário: